Cartas e Cartazes nº 84: SBT premia Brastemp e diz que ganhador de prêmio 'não é nenhuma Brastemp' (01/12/1991)




Clique sobre o anúncio e vá em "exibir imagem" para vê-lo em tamanho maior

Por José Eustáquio Lopes de Faria Júnior (@juniorpitangui)


Ao longo da história, inúmeras campanhas, anúncios, slogans e jingles marcaram a trajetória da publicidade no Brasil e no mundo. Uma que certamente marcou os telespectadores foi a Brastemp com o bordão/slogan “não é assim uma Brastemp”, que virou um verdadeiro hit nacional, que até hoje é repetido nas ruas pelo Brasil. Vamos conhecer como essa história está relacionada ao SBT?

Hoje é muito comum ver o SBT realizando o prêmio “O Melhor Comercial do Brasil” e também sendo patrocinador das últimas edições do “Festival de Publicidade de Cannes”, na França. Trata-se de uma estratégia de aproximar emissoras e potenciais anunciantes, melhorando, sobretudo, a imagem da empresa junto ao mercado publicitário. Contudo, essa aproximação não vem de agora.

Em 1991, com a crise que se instalou na economia e refletiu em todos os setores, inclusive publicitários, o Festival Brasileiro do Filme/VT Publicitário, promovido desde 1974 pela Associação Brasileira de Propaganda (ABP), estava correndo o risco de não ser mais realizado.

O SBT assumiu a responsabilidade de ser o principal patrocinador do evento, que foi realizado nos dias 26 e 27 de novembro de 1991, no Centro de Convenções do Colégio Brasileiro de Cirurgiões, no bairro do Botafogo, no Rio de Janeiro.

Com o patrocínio, o SBT, inclusive, ganhou o direito de nomear uma das categorias principais da premiação. Existia o “Grande Prêmio Cidade do Rio de Janeiro – Filme/VT” e naquela premiação teve também “Grande Prêmio SBT – Sistema Brasileiro de Televisão – Campanha”. Em ambas a Brastemp levou o prêmio. Tudo graças ao sucesso da campanha “Não tem comparação”, a primeira a ser desenvolvida com o mote “não é assim uma Brastemp”, para se referir a algo que pode ser até bom, mas que não chega perto da qualidade Brastemp.

O SBT, claro, não poderia perder a oportunidade de zoar. No texto do anúncio após o evento, disse que o vencedor da premiação não era nenhuma Brastemp. Isso, claro, se referindo ao SBT como vencedor por ter patrocinado tal premiação e ganhado muito com isso. O SBT se referiu também ao fato de que em “tempos quentes” (mercado aquecido), seria normal o SBT patrocinar um evento desse naipe, mas que em “tempos frios” era um feito da emissora. E rendeu uma bela frase com usando a Brastemp como tema: “Em tempos quentes essa postura pode não ser nenhuma Brastemp. Em tempos frios, isso não tem comparação”.

No anúncio abaixo, você vê a peça publicitária de divulgação do evento feita pelo SBT para divulgá-lo. Veja que a emissora não mostra a menor cerimônia em destacar o fato que queria que os anunciantes do evento migrassem para os breaks comerciais do canal. 
Voltando à Brastemp, o anúncio em destaque também foi premiado em Cannes e outras premiações nacionais como os Profissionais do Ano. Criada pelos publicitários Paschoal Fabra Neto e Ricardo Freire, essa campanha conseguiu permanecer no ar durante 12 anos, ou seja, teve o seu fim em 2003, num comercial estrelado por Luiz Fernando Guimarães, Fernanda Torres e Andrea Beltrão e consolidou a imagem da Brastemp como marca consagrada no ramo de eletrodomésticos. 
Série de comerciais da Brastemp com o mote 'Não é assim uma Brastemp'

Se o SBT teve papel decisivo para manter o Festival Brasileiro de Filme Publicitário vivo em 1991, o mesmo não dá para dizer atualmente. Em 2013, pela primeira vez na história, não houve a premiação, que estava previsto para acontecer na cidade de Campos do Jordão (SP). Era a estreia do evento fora da cidade do Rio de Janeiro. Segundo Ronaldo Rangel, presidente da ABP, trata-se de uma parada estratégia para avaliar o formato para 2014: “Queremos que o Festival da ABP tenha cada vez mais relevância para o mercado e achamos melhor dar esta parada para discutir o assunto com mais profundidade”. Quem sabe o SBT não dá a mão mais uma vez?

O que achou do anúncio de hoje? Gostou? Comente aqui no site! Seu comentário é muito importante para aprimorarmos cada vez mais o quadro!

Perdeu alguma edição do Cartas e Cartazes? Veja as edições que já publicamos clicando aqui!

Quer conhecer mais sobre a história da TV brasileira? Visite e participe do Mofo TV, subfórum do Fórum Natelinha. Clique aqui, cadastre-se e participe!

# Parceiros


#Facebook: SBTpedia

#Twitter