TOP 10: Os 10 filmes de cobras que passaram na história do SBT


Por José Eustáquio Lopes de Faria Júnior (@juniorpitangui)

Filmes de terror e suspense, com animais gigantes, em geral, sempre tiveram o desprezo da crítica de cinema. São tidas como produções lado B, trash, que apelam para cenas de animais devorando pessoas sem a menor preocupação com a história em si. Verdade ou não, esse tipo de filme sempre teve muito apelo no Brasil, especialmente no SBT onde em sua história pudemos ver dezenas deles e com vários animais em destaque: aranhas (A Invasão das Aranhas Gigantes, Aracnofobia e Malditas Aranhas), abelhas (Abelhas: Ataque Mortal e Picada Mortal), tubarões (O Último Tubarão, Pânico no Mar, Tubarões Assassinos, Ataque dos Tubarões), baleias (Orca – A Baleia Assassina), piranhas (Piranhas 2 – Assassinas Voadoras), crocodilos (Crocodilos, a Fera Assassina, Crocodilos: Surf Sangrento, A Lenda do Homem- Crocodilo), ursos (Grizzly - A Fera Assassina), pássaros (Pássaros 2 – O Ataque Mortal) e até mesmo dinossauros (Pterodactyl: A Ameaça Jurássica).


Mas talvez nenhum outro animal tenha rendido tantos filmes desse gênero do que as cobras. Aproveitando que o SBT exibe pela primeira vez em sua história “Anaconda” (1997), com Jennifer Lopez e Ice Cube, na próxima terça-feira (25), reunimos aqui no TOP 10, os dez filmes de terror/suspense com cobras que já passaram (ou vão passar, no caso de Anaconda), na tela da emissora de Silvio Santos. Veja a lista:

1) O Homem-Cobra (1973)



Esse talvez seja um dos filmes mais lembrados relacionados a cobras para quem viveu intensamente os anos 80 na televisão. No SBT, era um dos “coringas” da Sessão das Dez aos domingos e permaneceu sendo exibido na emissora até o ano 2000, no Cinema em Casa. A história trata sobre respeitado especialista em cobras que esconde o assustador desejo de transformar um ser humano no maior dos répteis. Percebendo que seu novo assistente é a cobaia perfeita, o médico começa a aplicar no rapaz algumas injeções de seu novo soro imunizador. Rapidamente, o jovem começa a experimentar efeitos colaterais estranhos e perturbadores.

2) O Ataque das Cobras (1976)



Outro filme de grande sucesso nos anos 80 na televisão brasileira, com exibições na Sessão das Dez e no Cinema em Casa. Depois de um tempo sumido da grade do SBT, reapareceu em 2002 no Fim de Noite, sendo reprisado em 2005, sua última exibição na emissora. O longa trata de um grande número de cascavéis quimicamente alteradas, que são as terríveis assassinas neste filme. Sam Parkinson, um notável herpetologista, investiga uma série de estranhas mortes em uma cidadezinha próxima ao deserto de Mojave, Estados Unidos. Acaba descobrindo que os répteis foram infectados por um misterioso gás disseminado no deserto pelos militares.

3) Anaconda (1997)



Olha a nossa estreante aí. Anaconda estreia no SBT na próxima terça (25/11), sendo exibida no Cine Espetacular. Mas sua história na TV é antiga e marcante. Começou na Record em 1999, mas sua segunda exibição é que causou o maior espanto de todos: 23 pontos de média e 31 de pico e colocou Faustão e Gugu Liberato no bolso, no auge da concorrência entre os dois apresentadores nos domingos à tarde. Depois disso o filme foi desperdiçado de madrugada pela Globo e agora chega ao SBT. Tudo colabora para o apelo de “Anaconda” junto ao público brasileiro. A popularidade de JLo, o fato de Ice Cube sempre ser uma figura conhecida (no SBT então, nem se fala), a paisagem próxima (Floresta Amazônica) e a história extremamente envolvente. Vale a pena ver.

4) King Cobra (1999)



“Cientista cria droga experimental que aumenta a agressividade nos animais e seres humanos. Uma explosão no laboratório liberta uma cobra. Tudo se tornará um pesadelo com uma cobra gigante e superagressiva”. Essa é a sinopse de King Cobra, que, assim como Anaconda também estreou na TV aberta na Rede Record. Aliás, a Record tentava achar uma “nova Anaconda” e tratou de estrear vários filmes desse tipo ao longo dos tempos. Depois de algumas exibições por lá, o filme chegou ao SBT em 2008, sendo exibido na Tela de Sucessos. Depois, nunca mais foi ao ar.

5) As Cobras Atacam (1999)



Apesar de “terror”, o filme “As Cobras Atacam” só teve exibições no SBT no período da tarde, no Cinema em Casa. Duas vezes em 2002 e uma em 2004, quando foi exibido pela última vez. Veja se a história agrada: “Uma cidade do interior americano é atacada por cobras de uma espécie misteriosa e letal. Aparentemente, um inescrupuloso empresário da região é o responsável pelo fenômeno”. Fraquinha a história, mas dizem que a gente se diverte muito com as cobras. Um terror divertido.

6) Python (2000)



Python figura sempre nas listas dos melhores filmes de cobras já produzidos. No SBT, o filme estreou em 2011, vindo também da Record. Desde então é uma exibição por ano: passou em 2012, em 2013 e mais recentemente em julho de 2014. Olha a história: “Depois de um acidente de avião militar perto de uma pequena cidade americana, uma cobra gigante parte para a matança. Os moradores devem encontrar uma maneira de eliminar a cobra com a ajuda de um cientista”.

7) Python 2: A Cobra Assassina (2001)



Python 2, não duvide, é a continuação de Python (2000).O curioso é que a segunda parte da saga chegou bem antes da primeira ao SBT. Foi exibido “pela primeira vez na TV” (que saudade!) em 2007, na extinta sessão 8 e Meia no Cinema. O primeiro filme, como já dito, chegaria somente em 2011. Python 2, porém, desde 2012 não é exibido no SBT. E faz falta, o filme mantém o nível do original. Veja a história: “Rebeldes chechenos derrubam avião americano que transportava uma arma ultra-secreta que é levada para uma base militar. Enquanto os governos discutem o que fazer, uma cientista decide abrir a misteriosa carga. Não imaginava que se tratava de uma serpente biologicamente aperfeiçoada, rápida como um raio, dotada de um magnífico aparato sensorial e um mecanismo de defesa mortal. Como detê-la é a pergunta que americanos e russos agora tentam responder”.

8) Serpentes à Bordo (2006)



Esse é o meu preferido. Filme da Warner Bros. Com Samuel L. Jackson no elenco. E do mesmo diretor de “Celular: Um Grito por Socorro” e da saga “Premonição”. Estreou no SBT (e na TV aberta) em 2009 e ganharia apenas mais duas exibições: outra ainda em 2009 e a última em 2010, na Tela de Sucessos. Veja um pouquinho da história: Após presenciar um assassinato ligado ao crime organizado, Sean Jones vira testemunha-chave contra um perigoso mafioso. Para sua proteção, ele será escoltado pelo experiente agente do FBI, Neville, que pretende levá-lo até Los Angeles em um voo comercial. Mas a surpresa fica por conta da ordem do mafioso: liberar, durante o voo, centenas de serpentes venenosas”. Uma das cenas de um casal se pegando no banheiro e as cobras aparecendo por lá para participar é um dos pontos altos do longa.

9) Mega Snake (2007)



Talvez um dos mais obscuros filmes de cobras, esse filme distribuído pela Flashstar também é bem interessante e com uma história decente por trás. Foi exibido pela primeira vez na TV em 2008 no “8 e Meia no Cinema” e só teve uma reprise na emissora em 2009 para nunca mais aparecer na programação. Confira a sinopse: Les Daniels viu seu pai morrer após ser atacado por uma das cobras que usava em suas cerimônias religiosas. Traumatizado, Les se afastou destas atividades, mas seu irmão Duff está à procura de répteis para seu próprio culto e encontra um índio que possui uma cobra rara. Ela fica fechada em uma jarra e há regras importantes que devem ser seguidas para que a serpente não saia de controle: não a deixe sair da jarra, não a deixe comer nada vivo e nunca tema o coração da cobra. Mas estas regras são quebradas, o animal cresce em espantosa velocidade tornando-se impossível deter esta criatura que tem uma fome incontrolável e vai atacar todas as pessoas que temerem seu coração.

10) O Ataque das Víboras (2008)



Esse é o mais recente filme de cobras exibido pelo SBT. Distribuído pela Europa Filmes, estreou na emissora de Silvio Santos em junho de 2009 (em menos de 1 ano após ser lançado), mais uma vez na sessão “8 e Meia no Cinema”. Detalhe: até hoje só teve essa exibição na TV aberta. Ao invés das cobras gigantes, esse filme opta pelas cobras em tamanho natural, mas não deixam de ter o clichê de “cobras modificadas geneticamente”. Veja detalhes do filme: “Pesquisadores desenvolvem tratamento contra o câncer a partir do veneno das víboras. Isto motiva o chefe de uma empresa de biotecnologia a fazer uma espécie de víbora que produzisse uma quantidade maior de veneno. Algumas dessas espécies de víboras alteradas geneticamente escapam do laboratório, e invadem uma cidadezinha, iniciando uma matança sem precedentes”.

# Parceiros


#Facebook: SBTpedia

#Twitter