Resumos de capítulos de 'A Mentira' (11 a 15 de julho de 2016)


Confira os resumos dos capítulos de 11 a 15 de julho da novela mexicana "A Mentira", exibida pelo SBT de segunda a sexta, às 15h15:

Capítulo 76, segunda-feira, 11 de julho

Demétrio chega ao apartamento de Miranda e vê Verônica vindo da rua com o João. Clima forte entre os três. Dr. Francisco avisa a Teodoro que Demétrio foi a Espanha tentar encontrar Verônica. João não se conforma de Demétrio ter aparecido. Ele acha que Verônica tem que ficar com ele, pois só ele a ama de verdade. Demétrio conta a Miranda que Verônica não está doente, que foi tudo uma nova mentira criada por Virgínia. João liga para sua casa no México. Sara percebe, pelo tom de voz do filho, que ele está bêbado. Ele lhe diz que Demétrio veio roubar a sua Verônica. Sara fica preocupada. Demétrio conta a Verônica sobre seu real estado de saúde. Verônica fica feliz e chora. João decide ir embora e, muito deprimido, admite que Verônica e Demétrio se amam. Demétrio conta que Virgínia já está pagando pelos seus crimes. Verônica quer saber qual foi sua sentença. Demétrio conta que Virgínia está paralítica. Verônica acha que o castigo foi merecido. João, sozinho em um quarto de hotel, sofre relembrando toda a situação e culpa Demétrio por sua infelicidade. No dia seguinte, muito deprimido, ele viaja de volta para casa, mas ao desembarcar no aeroporto ele é atropelado.

Capítulo 77, terça-feira, 12 de julho

Sara e Teodoro estão preocupados com o desaparecimento de João. Verônica, em Madri, também está preocupada com João. Ligam do hospital para a mansão dos Fernandes Negrete e enformam que João está internado. Sara, ao saber, fica histérica. Letícia avisa Demétrio, por telefone, do acidente com João. Demétrio informa a Verônica o que aconteceu com seu primo. Verônica decide voltar neste mesmo instante para o México, a fim de acompanhar a recuperação de João. Miranda diz que não poderá viajar já, por causa de alguns negócios que tem em Madri, que só poderá viajar em dois ou três dias. João entra na sala de cirurgia. Teodoro chega no hospital e pede para falar com o diretor do hospital. Virgínia fica sabendo do acidente de João e fica feliz. O diretor do hospital informa a Teodoro que o perigo no caso do João é de uma fratura múltipla na altura dos quadris. O marginal Bocão vai visitar Virgínia na clínica e se coloca a sua disposição para qualquer coisa que ela queira fazer. O advogado de Virgínia diz que se sente traído, que não confia mais nela e que vai abandonar o caso. Ela o expulsa do quarto e diz que agora ele faz parte da lista dos seus inimigos pessoais. João, no leito do hospital, diz a Sara que não quer mais viver. Diz que ama tanto Verônica que não conseguirá viver sem ela. Mãe e filho choram. Verônica chega ao hospital com Demétrio e encontra Sara no corredor. Ela conversa em particular com a sobrinha e implora a ela que faça um sacrifício para salvar João. Sara pede a Verônica que ela faça o primo acreditar que cuidará dele para sempre. Verônica não sabe o que dizer.

Capítulo 78, quarta-feira, 13 de julho

João, no leito do hospital, diz a seu pai que não vê razão para continuar vivendo sem Verônica ao seu lado. Sara insiste para que Verônica minta. Pelo menos até ele sair dessa depressão. Verônica vai falar com João e insiste que ele deve tentar esquecer esse amor. Chega Demétrio e João fica de mau humor. O marginal Bocão chega ao hospital, pergunta na recepção pelo número do quarto de João. Demétrio vai embora para resolver assuntos de trabalho. Depois sai Teodoro, Sara e Letícia para almoçar. Verônica fica para fazer companhia à João. Bocão do lado de fora do quarto percebe que só restou Verônica com João. Ele se aproxima da porta do quarto de João. João melhora o humor com Verônica ao seu lado. Uma enfermeira abre a porta do quarto, mas João e Verônica não percebem a presença de Bocão que espia do lado de fora. A enfermeira sai. João e Verônica decidem tirar uma soneca. Bocão entra no quarto e aponta uma arma para a cabeça de João. Demétrio chega na garagem do Hospital. Verônica acorda, mas Bocão consegue imobilizá-la apontando a arma para sua cabeça. João desperta. Teodoro, Sara, Letícia e José chegam na garagem do hospital. Identificam o carro de Demétrio na garagem, e dirigem-se para o elevador. Demétrio entra no quarto e vê Bocão apontando a arma para Verônica. Eles lutam fortemente. Chega a polícia e leva Bocão e Demétrio presos. Verônica passa mal e desmaia. Demétrio chega a delegacia e fica sabendo do desmaio de Verônica.

Capítulo 79, quinta-feira, 14 de julho

João, ao mesmo tempo que ficou decepcionado com o casamento de Beatriz, fica feliz ao perceber que pode se interessar por outras mulheres e que está superando a depressão em que se encontrava. Letícia não dorme em casa. Sara não gosta nada da atitude da irmã. Todos acham graça da reação dela. Verônica vai até a clínica para visitar Virgínia. Elas discutem e Virgínia diz que enquanto ela viver a prima deve ter medo dela. Virgínia diz que se vingará dela e de seu maldito filho. Verônica tem certeza de que ela enlouqueceu. João volta para casa.

Capítulo 80, sexta-feira, 15 de julho

O SBT não divulga o final de suas novelas.

# Parceiros


#Facebook: SBTpedia

#Twitter