SBT alcança 6.8 de média 24 horas em julho e tem melhor resultado desde outubro de 2005 em São Paulo

 
Em São Paulo, o SBT marcou 6,8 pontos na média das 24 horas e registrou o maior índice mensal desde outubro de 2005, ou 153 meses. Ao longo do mês de julho, o SBT alcançou 16,4 milhões de telespectadores.

A emissora terceira colocada marcou 5,2 pontos de média e completou dezesseis meses consecutivos atrás do SBT.

Vice-líder em todas as faixas horárias: Julho/2018


Além da vice-liderança nas 24 horas na média mensal, o SBT garantiu a segunda colocação em todas as faixas horárias do dia.

Na média/manhã, das 6h às 12h, o SBT alcançou o melhor desempenho desde setembro de 2008, ou 118 meses. Em julho, registrou 5,2 pontos de média e garantiu a vice. Na mesma faixa horária e período de comparação a emissora terceira colocada ficou com 3,8 pontos de média.

Na faixa vespertina, das 12h às 18h, o SBT alcançou o melhor desempenho desde julho de 2007 e fechou o período com 7,2 pontos de média. Na mesma faixa horária e período de comparação terceira colocada marcou 6,9 de média.

No horário nobre, das 18h às 24h, considerada a faixa mais valiosa da TV aberta, o SBT garantiu a vice-liderança pelo terceiro mês consecutivo, com 10,2 pontos de média. Já a emissora terceira colocada marcou 9 pontos de média.

Na madrugada, das 24h às 6h, o SBT manteve fechou o período com 4,7 pontos de média contra apenas 1,3 da concorrente.

Crescimento nas principais as faixas horárias


O SBT foi a única emissora a apresentar crescimento nas principais faixas horárias em relação ao mês anterior. A emissora terceira colocada perdeu audiência em todas as faixas horárias.

Em julho, na média das 24 horas, o SBT marcou 2% mais audiência que o índice de junho, quando registrou 6,7 pontos de média. A emissora líder perdeu 6% de audiência, foi de 14,7 para 13,8, e a terceira colocada perdeu 12% - foi de 6 para 5,2 pontos de média.

Na média/manhã o SBT cresceu 6% ao saltar de 4,9 para 5,2 de média. Na mesma faixa horária e período de comparação a emissora terceira colocada perdeu 16% de audiência: caiu de 4,5 registrados em junho para 3,8 de média em julho. Já a emissora líder perdeu 21% de audiência em relação a junho/julho: foi de 11,2 para 8,8 de média.

Na faixa vespertina o SBT apresentou 5% de crescimento em relação ao mês anterior e fechou o período com 7,2 pontos de média, ante 6,8 de junho. A terceira colocada perdeu 12% de audiência ao cair de 7,8 para 6,9 de média e a emissora líder perdeu 13% na média/tarde ao cair de 18,5 em junho para 16 pontos de média em julho.

No horário nobre, mesmo conquistando a vice-liderança na faixa, o SBT perdeu apenas 1 décimo em relação ao mês anterior. 10,3 em junho e 10,2 de média em julho. A emissora líder cresceu 4% (23,4 para 24,3) e a terceira colocada perdeu 11% na principal faixa do dia ao marcar 10 pontos de média em junho e cair para 9 em julho.

Na madrugada, o SBT manteve o mesmo índice do mês anterior: 4,7. A terceira colocada caiu 11% (de 1,5 para 1,3 de média) e a líder cresceu 5%. Marcou 5,8 em junho e 6,1 de média em julho.

Fonte: Kantar Ibope Media – MW – Dados Domiciliares (Rat%) – Faixas Horárias – GSP – Jul/18 – Dados arredondados com 1 casa decimal.

# Parceiros


#Facebook: SBTpedia

#Twitter