Psiquiatra e escritora Ana Beatriz Barbosa e cantor Eduardo Araújo participam do The Noite nesta terça-feira

Os convidados do The Noite desta terça-feira, 23 de julho, são Ana Beatriz Barbosa e Eduardo Araújo.

 
Com a psiquiatra e escritora Danilo Gentili conversa sobre os 10 anos do best-seller “Mentes Perigosas” e revela: “foi o único livro que não queria escrever. Sempre escrevi para ajudar as pessoas e o psicopata não quer ajuda”. Segundo Ana, são pessoas desprovidas de culpa e empatia. “Eles sabem que são assim, gostam e acham que quem não é, é inferior”, conta. Ela fala sobre como identificar a psicopatia em crianças e alerta: “é genético. Já vem assim de fábrica. É a criança que não tem empatia com os irmãos, joga os adultos entre si para poder reinar. A educação não cria um psicopata. Ele já vem. Mas você modula, dá uma freada”. A convidada afirma ainda que a maioria não chega a matar, mas “sempre vai deixar um rastro de destruição”. Para ela, Stalin foi o pior psicopata que já existiu e justifica: “conseguiu trair a Rússia, dividir a Polônia no meio, fazer negócios com Hitler”.

 Fotos: Gabriel Cardoso/SBT

Já com Eduardo, o apresentador fala sobre o lançamento do novo álbum: “Brazilian Hillbilly – do Country Rock à Moda de Viola”. O cantor fala sobre a escolha do repertório e conta: “selecionamos umas 150 músicas. Tinha muito mais”. Ele recorda sua formação e comenta: “me formei, mas o curso que eu fiz de veterinário era mais para o campo”. Criador de burros há alguns anos, explica: “é o animal mais importante na lida com o gado. Porque além de ser mais forte que o cavalo, é mais resistente”. O convidado relembra ainda como descobriu os talentos de Victor e Léo e Paula Fernandes. “Ela deixou um disquinho lá em casa que se chamava ‘Ana Raio’. Quando ouvi falei ‘meu Deus do céu’. Parecia uma Shania Twain”, diz.

THE NOITE
Nesta terça, logo após o Cine Espetacular

# Parceiros


#Facebook: SBTpedia

#Twitter