O Dia na História (04/02/2014): Comentário sobre justiceiro rende veto à comentários de Rachel Sheherazade no SBT

HÁ EXATOS 6 ANOS, em 04/02/2014 ...


... A jornalista Rachel Sheherazade fazia comentário no SBT Brasil sobre a ação de um justiceiro no Rio de Janeiro e causa polêmica em todo o país: 


“O marginalzinho amarrado ao poste era tão inocente que em vez de prestar queixa contra seus agressores, preferiu fugir, antes que ele mesmo acabasse preso. É que a ficha do sujeito – ladrão conhecido na região – está mais suja do que pau de galinheiro. Num país que ostenta incríveis 26 assassinatos a cada 100 mil habitantes, arquiva mais de 80% de inquéritos de homicídio e sofre de violência endêmica, a atitude dos “vingadores” é até compreensível. O Estado é omisso. A polícia, desmoralizada. A Justiça é falha. O que resta ao cidadão de bem, que, ainda por cima, foi desarmado? Se defender, claro! O contra-ataque aos bandidos é o que eu chamo de legítima defesa coletiva de uma sociedade sem Estado contra um estado de violência sem limite. E aos defensores dos Direitos Humanos, que se apiedaram do marginalzinho no poste, lanço uma campanha: Façam um favor ao Brasil. Adote um bandido!”. 

O comentário renderia veto da emissora às opiniões da jornalista, que perdura oficialmente até os dias de hoje.

Relembre o vídeo:


Relembre também:

# Parceiros


#Facebook: SBTpedia

#Twitter