Resumos de capítulos de 'O Que a Vida me Roubou' (26 a 30 de outubro de 2020)

 
Confira os resumos dos capítulos de 26 a 30 de outubro da novela mexicana "O Que a Vida me Roubou", exibida pelo SBT de segunda a sexta, às 17h15:

Capítulo 136, segunda-feira, 26 de outubro

Montse e Alessandro estão vivendo um momento de muita felicidade. Macário sente ciúmes ao perceber que Dominga olha para Erick com ternura e elogia sua maneira de cantar. Erick canta para Esmeralda uma canção que fez especialmente para ela. Dominga agradece Erick porque com sua música e seu talento atraiu mais clientes para seu comércio. Durante um discurso de campanha, Adolfo atira contra Ezequiel. Montse está muito feliz dirigindo a caminhonete que ganhou de Alessandro, quando olha pelo retrovisor e vê José Luiz. Ela se assuta e bate em outro veículo. Maria, disfarçada de Montse, entra na casa de Alessandro. Irritado, Alessandro dá ordens a seus empregados para que a expulsem e nunca mais permitam sua entrada. Assustado, Ezequiel diz a Carlota que ela não deve sair de casa pois quando Pedro Medina souber que ele está vivo, vai querer se vingar dela. Montse diz a José Luis que por sua culpa provocou um acidente. Ele ameaça usar o acidente como argumento para que o juiz lhe dê a guarda da filha. Pedro diz a Adolfo que, por obedecê-lo, Josefina ganhou mais alguns dias de vida. Adolfo exige que ele se afaste de Josefina e diz que não voltará a matar mais ninguém, mas Pedro é taxativo e diz que ele terá que continuar seguindo suas ordens.

Capítulo 137, terça-feira, 27 de outubro

Montse conta a Alessandro como aconteceu o acidente e que José Luis pretende usar o ocorrido para conseguir a guarda de sua filha. Furioso, Alessandro decide ir falar com José Luis mas Montse pede que não o faça, pois o que ele quer é um pretexto para manda-lo de volta para a prisão. Adolfo se preocupa ao saber que Ezequiel está vivo. Ezequiel pede que José Luis o ajude a sair do país e em troca revelará a identidade do “Escorpião”, o braço direito de Pedro Medina. José Luis pede a Renato que confirme que eles estiveram juntos no escritório entre meio-dia e uma da tarde. Renato pergunta se ele está protegendo Pedro Medina e ele diz que não. Alessandro exige que José Luis pare de intimidar Montse e diz que, por sua culpa, quase acontece uma tragédia. José Luis nega tudo e pede a Renato que confirme sua versão. Renato diz que lamenta, mas não pode mentir dessa maneira e não confirma a história do amigo. Ezequiel se assusta ao ver Pedro Medina ameaçando Carlota com uma arma.

Capítulo 138, quarta-feira, 28 de outubro

Pedro Medina mantém Carlota sob a mira de seu revólver e exige que Ezequiel confesse para sua esposa que é um narco -traficante e assassino. Ezequiel, muito abalado, pede perdão a Carlota e foge. Pedro, em tom sarcástico, diz a Carlota que ela é tão idiota que nunca percebeu quem era o homem com quem dormia e que ele não hesitou em abandoná-la para salvar a sua vida. José Luis diz a Alessandro que cometeu um erro, mas não queria que nada de mal acontecesse com Montse. Alessandro e José se agridem violentamente. Demétrio diz a Alessandro que precisam parar com a briga porque Pedro Medina invadiu a casa de sua tia Carlota. José Luis diz a Renato que todos o abandonaram, incluindo ele. Renato não gosta do comentário, diz que todas as vezes que infringiu a lei foi para ajuda-lo e portanto não admite ser chamado de traidor.

Capítulo 139, quinta-feira, 29 de outubro

Ezequiel diz a Esmeralda que Pedro está vivo, que assassinou sua esposa e pede que o ajude. Esmeralda, assustada, diz que não poder fazer nada por ele porque Pedro pode matá-la e o aconselha a procurar as autoridades. Carlota, chorando, diz a Demétrio, Alessandro e Montse que se casou com um delinquente. Maria diz a Adolfo que Ezequiel está com Esmeralda e que está procurando um lugar para passar a noite antes de sair do país. Montse se sente culpada pela briga entre Alessandro e José Luis. Alessandro diz que está convencido que José Luis está unido a Pedro Medina para fazer mal a eles. Ezequiel diz a Demétrio que pode lhe dizer quem matou sua noiva e revelar a a identidade do “Escorpião” se em troca protegerem a sua vida. Rosário é levada por alguns homens em uma caminhonete. Alessandro tem certeza que Pedro Medina está por traz do sequestro de sua mãe.

Capítulo 140, sexta-feira, 30 de outubro

Demétrio se surpreende ao ver a tia e Carlota diz que não irá embora sem falar com seu marido. Renato exige que Ezequiel lhe diga quem é o “Escorpião”, mas ele diz que só dirá a Demétrio quando estiver dentro de um avião para fugir do país. Renato lembra Ezequiel que sua situação não é nada confortável e não pode impor condições, por isso é melhor que colabore com as autoridades antes que seja tarde. Alessandro pressiona José Luis para que lhe diga onde está Pedro Medina, porque ele sequestrou sua mãe. José Luis afirma que não sabe do paradeiro de Pedro e que não tem nada a ver com ele. Pedro, furioso, recrimina Adolfo por não ter eliminado Ezequiel. Adolfo pede 24 horas para eliminar Ezequiel e Pedro lembra que matará Josefina se ele não cumprir o trato. Carlota dá uma bofetada em Ezequiel e o insulta. Pedro pergunta a Rosário se está preparada para assistir a morte de seu filho. Rosário pergunta por que ele odeia tanto Alessandro e Pedro o culpa por não ser um homem completo. Pedro diz a Maria, que se não sair vivo do que pretende fazer, ela terá que se encarregar de assassinar Rosário. Renato diz a Ezequiel que sua fuga do país depende do que acontecerá com Rosário. Adolfo diz a Maria que alguém deve estar ajudando Pedro Medina e com certeza não é Ezequiel. E pergunta se é ela. Maria nega e Adolfo ameaça matá-la se descobrir que o está traindo. Ezequiel diz a Pedro que ele não tem saída por isso vai lhe dar a oportunidade de uma saída digna, e lhe dá uma arma para que acabe com a própria vida.

# Parceiros


#Facebook: SBTpedia

#Twitter