Cantor Luciano Camargo é a atração da virada do ano no The Noite desta sexta-feira; veja atrações

Luciano Camargo, pela primeira vez sem Zezé no The Noite, na noite da virada, nesta sexta-feira, dia 31 de dezembro.

Foto: Divulgação/SBT
 
Em uma entrevista exclusiva, o cantor faz revelações sobre sua vida pessoal e se emociona ao recordar um momento crítico que passou com a morte do pai Francisco Camargo, além de falar sobre a fase em que testou positivo para o coronavírus e todas as implicações que teve por conta disso.

Luciano conta detalhes sobre seu álbum gospel e expõe que as gravações foram feitas escondidas do irmão Zezé Di Camargo.

"Fiquei 45 dias gravando sem ninguém saber. O Zezé sabia da minha vontade, mas ninguém sabia o que estava fazendo. Se tivesse feito esse projeto há 20 anos, teria sido o artista. Deus foi me preparando para que hoje o homem, o pai de família, o marido, o cristão, fizesse esse projeto".

"Quando eu gravei, mandei para ele [Zezé], que falou: 'Letra linda, arranjo perfeito, maravilhosa'. Nós temos essa liberdade. Ele já fez trabalhos com a Wanessa e esse é o primeiro meu", finalizou o cantor.

A Covid-19 também foi assunto na entrevista. Diagnosticado com a doença, Luciano relembrou que, por causa da doença, não pôde comparecer ao velório e ao enterro do pai, já que o cantor só foi curado em dezembro de 2020 e o velório ocorreu em novembro do mesmo ano.

"Quando fiz o exame e deu positivo veio na minha cabeça, na hora: 'Não vou conseguir me despedir do meu pai'. Ele estava hospitalizado havia algum tempo em uma situação crítica. Não pude dar o abraço de despedida no meu pai e também não pude receber um abraço de conforto. Isso é terrível. Essa saudade só vai acabar quando eu abraçar ele de novo. Aí vou dar um abraço eterno. Não tenho dúvidas que vou encontrar com ele", desabafa Luciano.

THE NOITE
Nesta sexta, logo após a Tela de Sucessos

# Parceiros


#Facebook: SBTpedia

#Twitter