Atores Juca de Oliveira e Rosi Campos falam sobre peça 'A Flor do Meu Bem-Querer' no The Noite desta quinta-feira

Na quinta-feira, 21 de abril, o The Noite recebe Juca de Oliveira e Rosi Campos. Em cartaz com a peça “A Flor do Meu Bem-Querer”, uma comédia que mostra o contraste entre o homem simples do campo e o corrompido político da capital, falam detalhes do espetáculo e seus personagens. “Escrevi em 2003, fez enorme sucesso e agora resolvi remontar”, diz Juca.

Foto: João Raposo/SBT
 
O ator comenta a aflição de ficar muito tempo sem poder subir aos palcos e afirma: “foi um dos piores momentos da minha vida, absolutamente horrível”. Sobre a correria das gravações entre cidades ao longo da carreira, Rosi conta o maior perrengue que já passou: “já demorei 12 horas da Barra até Copacabana. Quando cai uma gota de chuva no Rio de Janeiro eu falo ‘pare e fique onde estiver’”. Os atores também recordam outros trabalhos marcantes de suas carreiras, como o Doutor Albieri vivido por Juca na novela “O Clone”. “Fiz o Albieri há quantos anos e volta tudo em termos de afeto das pessoas, querem tirar fotos”, diz o convidado sobre as reprises.

Rosi também afirma ser chamada até hoje de Tia Morgana, sua personagem no “Castelo Rá Tim Bum”. “Ainda bem, é um prazer. Adoro ser reconhecida por um projeto tão lindo”, comemora. E revela a maior dificuldade do período em que gravava a personagem: “muitos vestidos, muitas roupas, muitas blusas. Para ir no banheiro era uma loucura. Não cabia com a peruca. Tinha que subir a saia com unha postiça... Era infernal”.

THE NOITE
Nesta quinta, logo após A Praça é Nossa

# Parceiros


#Facebook: SBTpedia

#Twitter