Opinião SBTpedia: Canavial de Paixões chegou ao SBT Vídeos. E aí?


Por José Eustáquio Lopes de Faria Júnior (@juniorpitangui)

Vivemos uma era cada vez digital e os streamings vem tomando conta de um mercado muito importante nessa seara, inclusive os vinculados às emissoras de televisão, que fazem uso deles para estimular a produção de conteúdo exclusivo multiplataforma e, também, dar visibilidade a produções do passado e de sucesso.

No caso do SBT, sua plataforma é o "SBT Vídeos", que chegou devagarinho, mas já vem ganhando um conteúdo bacana, variado e, ainda por cima, gratuito. As novelas vêm sendo o carro-chefe, não só pela  TV ZYN, que conta no casting com muitos atores e ex-atores da casa, mas também por produções do passado. Estão lá, por exemplo, tramas mais recentes como Amor e Revolução, Chiquititas, Cúmplices de um Resgate, Carinha de Anjo, As Aventuras de Poliana e Patrulha Salvadora e adaptações um pouco mais antigas como Amor e Ódio, Marisol, Esmeralda e Amigas e Rivais.

Nesta sexta-feira, dia 22 de abril, foi colocado por lá o primeiro capítulo de "Canavial de Paixões", que será a próxima trama a entrar na íntegra na plataforma. A novela, protagonizada por Bianca Castanho e Gustavo Haddad, um dos grandes sucessos do SBT, contou com grandes atuações e tem uma história digna daqueles dramalhões que todo fã do SBT curte.

Mas a grande questão aqui é: a falta de interesse em dar buzz ao conteúdo que é colocado no SBT Vídeos. E, entenda-se por isso, dar divulgação também na TV e badalar a novidade nas redes sociais. A emissora se orgulha de ter um dos melhores resultados entre TV’s de todo o planeta no YouTube, por exemplo. Tem know-how para fazer uma divulgação decente e qualificada e, especialmente, para o público-alvo daquilo que se está lançando.

E são muitas as formas que isso pode ser badalado. O SBT, por exemplo, promoveu uma enquete entre Canavial e Pícara Sonhadora, sobre qual delas deveria “estrear” primeiro. Poderiam ter gravado depoimentos com atores de um lado e de outro, pedindo votos para as novelas que participaram das produções. Estimula a fanzone dos mesmos, criaria um clima de duelo interessante. Em tempos de Globo só com contrato por obra, praticamente, o que não falta é ator disponível. Inclusive para poder dar entrevistas ao site, às redes sociais e a programas que deveriam divulgar esse conteúdo (vide Fofocalizando), para que a repercussão sobre a novela escolhida tenha um alcance mais longo e não somente o “fator estreia” restrito a uma parcela nichada de público.

Noves fora, vai dizer que você não trocaria aquele amontoado de notícia irrelevante - de dar inveja ao finado portal Ego - sobre gente famosa (??!?!?!) do perfil do SBT no Twitter, por um conteúdo bacana, com fotos e curiosidades da trama, além de trechos destacados de Canavial de Paixões? Se quisesse ir além, poderia até buscar uma maior interação com os fãs, buscando depoimento de telespectadores sobre como a novela marcou sua vida de alguma forma. Estamos falando, na minha humilde opinião, da novela que teve a trilha de abertura mais marcante entre todas as nacionais do SBT. Pode ter certeza, pessoas que lembram com saudosismo da trama não faltam.

Essa análise, por sinal, vale para todas as disponibilizadas anteriormente. Poderiam rolar comerciais, sobretudo em novelas que estão no ar na TV, bem-humorados e/ou criativas, usando os personagens das novelas que estão no portfólio. Explorar a força de Rosana Delaor (Talita Castro) em "Amigas e Rivais", brincar com as 'perucas' da "Marisol" (Bárbara Paz), usar e abusar do saudosismo com o casal Ádrian (Daniel Andrade) e Graziella (Karina Barum), que se destacaram em "Esmeralda" com direito a trilha do Rouge, outra cria da casa.

Em suma, o "SBT Vídeos" está começando a ganhar corpo, mas como todo projeto para ser bem desenvolvido, precisa ser apoiado pelos seus braços mais midiáticos, leia-se a presença do SBT em redes sociais e na televisão. E esse apoio não pode vir no agora, na estreia e depois abandonar. Precisa ser linear, até porque o público não vai assistir uma novela toda em um dia ou, talvez, sequer a emissora vai postá-la toda de uma vez. 

Cada tipo de conteúdo gera uma demanda necessária, que precisa ser cumprida. Não adianta esperar o milagre da multiplicação de acessos por si só, até porque, assim como na TV, o público precisa ser conquistado, cativado por algo relevante. E, inclusive, seu acesso facilitado, tornando o aplicativo mais interativo e funcionável nas principais SmarTV's do mercado. Afinal, conteúdo saudosista de TV nada melhor que se possa ver na TV para matar saudade, não é verdade?  Só assim o catálogo poderá obter o tão desejado sucesso em views e, por consequência, estimular a emissora a buscar mais e mais novidades.

# Parceiros


#Facebook: SBTpedia

#Twitter