'Queriam meu chulé e iam pagar muito por isso', revela Key Alves sobre pedidos do OnlyFans no The Noite desta terça-feira

A jogadora de vôlei mais seguida do Instagram estará no The Noite de hoje, 26 de julho. Key Alves é líbero do Osasco São Cristóvão Saúde e acumula mais de 3 milhões de seguidores na rede social, além de faturar alto no OnlyFans. Questionada se sua popularidade causa ciúmes, responde: “no meu time não teve problema, graças a Deus. (Nos times adversários) teve uma olhadinha torta”. Danilo pergunta se as rivais a atacam durante a partida e ela afirma: “o importante é defender e continuar o jogo, mas já acertaram muito a minha cara”.

 Foto: Lourival Ribeiro/SBT

Com uma irmã gêmea que também é jogadora, conta que até prefere estar em um time diferente do dela: “a gente brigava muito, então acho que foi melhor. A gente disputava vaga, porque as duas são líberos, era bem complicado”. E fala que irão jogar uma contra a outra pela primeira vez no próximo dia 16: “minha família está torcendo para os dois times... eu acho que eu vou ganhar, na verdade eu tenho certeza”.

A respeito do jogo mais importante de sua carreira, declara: “foi em Lima, no Peru (2018). E o Campeonato Sul-Americano foi meu primeiro internacional. Foi muito importante e abriu as portas. Ali fui premiada como a melhor líbero da América e as coisas começaram a acontecer”. Falando de Olimpíadas, comenta: “acho que ainda está muito cedo. Mas estou treinando para isso acontecer”. Key revela não só não ter gostado da comida no Peru e diz: “passei fome.... eu assustei porque, quando cheguei lá, tinha uma carne que parecia bife e a moça falou ‘olha, não é a carne que vocês estão acostumadas, é carne de gato’. O time todo falou que não ia comer”.

Sobre o OnlyFans, diz que influenciou a irmã a criar uma conta após ter entrado na plataforma. “O pessoal acha que é um perfil só”, comenta. Analisando uma imagem postada na plataforma, afirma: “pessoal acha que eu uso as roupas super caras, mas essa calcinha eu comprei lá no centro de Osasco”. Danilo pergunta de seus ganhos financeiros e Key explica: “não só o OnlyFans, toda rede social hoje me dá um valor muito bom, só que o vôlei, querendo ou não, é onde eu tenho meu salário, minha carreira, então acho que o pessoal acessa o OnlyFans por eu ser atleta e não só modelo. Para ver o outro lado da atleta”.

Key diz que deixou claro desde o começo o propósito de suas postagens na plataforma e que não iria postar imagens nuas. Sobre pedidos, revela: “eles pedem fotos do meu pé, eu mando, é dinheiro, né? O valor máximo que já me pagaram foi dez mil”. As propostas, segundo ela, são diversas. “O que eu achei mais estranho foi a galera pedir meia minha depois do treino, queriam meu chulé e iam pagar muito por isso, só que não tive coragem, ainda. É minha meia, meu chulé. Eu amo meu chulé. Termina o treino eu pego a meia e cheiro. Adoro. Não dá para ser perfeita, tem que ter algum erro”, comenta.

THE NOITE
Nesta terça, logo após o Cine Espetacular

# Parceiros


#Facebook: SBTpedia

#Twitter